Out 21, 2020

Investigador de Polícia Civil "Fumaça" é encontrado morto e amigos lamentam

1
0
0
s2smodern

O investigador da Polícia Civil, Edemilson Evangelista da Silva, o "Fumaça", de 45 anos, morreu vítima de infarto, enquanto dormia. Ele foi encontrado na noite de ontem (16), na casa dele, no bairro Lixeira em Cuiabá. Policial civil há pelo menos 18 anos, estava lotado na 2ª Delegacia de Polícia no Carumbé. Ele era do grupo de risco e, por conta da pandemia da Covid-19, estava trabalhando em casa, fazendo tele trabalho.

Consta no boletim de ocorrência que ele foi encontrado no condomínio 2 Irmãos. O corpo estava sem marcas de ferimentos e a principal suspeita é que ele teve um infarto. Conhecido pela sua irreverência e apaixonado por futebol, Fumaça era Diretor Esportivo do Sindicato dos Investigadores da Polícia Civil de Mato Grosso (Sinpol/MT) e um dos melhores amigos do jogador Beto Cuiabano.

Nas redes sociais, amigos lamentam a notícia da morte brusca do investigador, que mesmo em home office mandava fotos e vídeos para os colegas de trabalho mostrando a produção diária. Um dos últimos vídeos foi enviado ao delegado Jefferson Dias, empolgado com o ritmo do trabalho.

“Nosso melhor muito obrigado! A 2DP está em luto com a passagem do nosso amigo FUMAÇA para o céu, policial íntegro que combateu o bom combate, foi fiel, filho, irmão, tio, pai, avô, tão jovem se foi, Senhor Jesus nos acolhe nesse momento de dor. Esse vídeo demonstra o comprometimento com a causa de fazer a 2DP-Carumbé a primeira delegacia digitalizada de Mato Grosso! ”, escreveu. Já o sindicato emitiu nota lamentando a perda.

“É com muita tristeza que a família Sinpol comunica o falecimento do nosso diretor de esportes, Fumaça”.


Veja vídeo


DELEGADOS.com.br
Portal Nacional dos Delegados & Revista da Defesa Social

 

1
0
0
s2smodern

Destaques