Out 21, 2020

Novo delegado-geral de Polícia Civil do Pará é apresentado à equipe e anuncia prioridades

1
0
0
s2smodern

O novo delegado-geral de Polícia Civil do Pará, Walter Rezende, foi apresentado à equipe na manhã desta sexta-feira (11), em cerimônia no Auditório Ione Coelho, na Delegacia-Geral, em Belém. Com 27 anos de carreira no serviço público, Walter Rezende estava à frente da Diretoria da Central de Atendimento, no bairro de São Brás, antes de se tornar titular do órgão de segurança pública.
 

Ele agradeceu a oportunidade e confiança ao receber o desafio de assumir o comando da Polícia Civil. "Hoje é um dia muito importante para nós. Estou com a plena consciência dos desafios que essa função me impõe. Como delegado, gostaria de contar com a ajuda incondicional de todos, e agradeço aos antecessores que deixaram grandes contribuições para a Polícia Civil e nossa sociedade, na certeza de que cada um deu o melhor de si. Queremos em nossa gestão lutar para valorizar nossos servidores, independente de cargos. Todos são essenciais para o crescimento institucional”, declarou o delegado-geral.

Foto: Ascom / Policia CivilCom 27 anos de carreira no serviço público, o delegado Walter Rezende é o novo titular da Delegacia-Geral de Polícia Civil
Foto: Ascom / Policia Civil

Segundo ele, dedicação e senso de responsabilidade são essenciais para o crescimento institucional e o combate à criminalidade. “A atividade investigativa é pedra angular no desenvolvimento social, que espera um combate rigoroso à criminalidade, e assim será feito diariamente. Convoco os policiais civis dessa instituição para essa luta. A sociedade cresceu, as tecnologias evoluíram e o corpo policial se adequou à nova realidade do mundo digital sem fronteiras. Assim, juntos vamos buscar o desenvolvimento institucional, qualificando os servidores e utilizando os recursos tecnológicos para combater a criminalidade. Não daremos espaço a milícias e a facções. Para esses, o caminho é a lei, a justiça e a cadeia”, enfatizou Walter Rezende.

Prioridades da gestão - Sobre as prioridades da gestão, o delegado destacou o combate ao crime organizado, aos delitos contra a vida e ao tráfico de drogas, com a implementação de novas técnicas, valorizando a especialização e o conhecimento, maximizando e utilizando com responsabilidade os recursos públicos. Segundo ele, é um trabalho a ser desenvolvido sempre em harmonia com todos os integrantes do sistema de segurança pública do Estado.

Com mais de 12 anos de carreira na Polícia Civil, a delegada-geral adjunta Daniela Santos também agradeceu a oportunidade, e disse se sentir honrada por compor a equipe. “É uma honra grande fazer parte dessa equipe. Iniciei minha carreira em Altamira (no oeste paraense), onde aprendi a ser polícia, passando pela linha de frente de várias diretorias. Vim pra Belém, onde fui diretora de várias seccionais, inclusive na Delegacia Especializada da Mulher. Hoje, estar aqui é um lugar máximo, é uma honra. Venho com muita vontade de cooperar, para que nossa polícia seja uma instituição unida, qualitativa e técnica. Acredito que essa seja minha missão como delegada-geral adjunta”, afirmou a delegada adjunta.

Desafio - Para o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado, a equipe da nova gestão está preparada para assumir o desafio. “Admiro o cuidado que o delegado-geral teve em conversar com cada um na mudança na gestão. Desejo sucesso e uma integração não só com outros órgãos, mas dentro da própria instituição. Sabemos que uma equipe unida faz a diferença na execução do seu papel, como também no combate à criminalidade. Sempre estaremos à disposição para fortalecer e auxiliar o trabalho que a Polícia Civil vem desenvolvendo, e juntos vamos continuar avançando", enfatizou o titular da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).

O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Dílson Junior, parabenizou o delegado-geral e toda a equipe empossada, e externou suas expectativas em relação ao trabalho do delegado Walter, o qual definiu como “bastante experiente”. “Já participamos de várias operações importantes juntos, ao longo de nossa carreira. Ele tem experiência com as atividades na Polícia Civil, e isso é muito importante. Sabemos que a parceria entre as polícias Civil e Militar traz um excelente resultado para a população paraense. Vamos continuar melhorando a integração entre as polícias, trabalhando cada vez mais com as nossas inteligências integradas, e isso tem um resultado muito positivo. Por isso, estamos com essa redução histórica, no ano de 2019, em 30%, e continuamos reduzindo esse ano. Estamos esperançosos que essa parceria vai continuar, tendo bons frutos com a nova gestão”, disse o coronel Dilson Júnior.

Para o procurador-geral do Estado, Ricardo Sefer, as expectativas são de avanço. Ele declarou estar “muito feliz e esperançoso com os rumos que a Polícia Civil está tomando. Nós temos colocado a segurança pública num patamar absolutamente diferenciado com o nosso compromisso com o serviço público. Acredito que toda a equipe da Polícia Civil vai continuar dando o máximo de si para ter êxito em todas as missões. Unidos, vamos levar o Estado adiante, trabalhando juntos em integração”.

A cerimônia também contou com a participação de representantes do Corpo de Bombeiros Militar, Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), da Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) estadual e da Câmara de Vereadores de Belém.

Estrutura atual - Na última quarta-feira (2), Walter Rezende foi nomeado pelo governador Helder Barbalho para comandar a Delegacia-Geral de Polícia Civil. A delegada Daniela Santos passa a ser a delegada adjunta, e a delegada Juliana Thomé assume a Diretoria de Recursos Humanos (DRH).

A Diretoria Estadual de Combate à Corrupção (Decor) tem como titular o delegado Raphael Cecim, e a delegada Priscila Morgado permanece na Consultora Jurídica (Conjur). A Diretoria de Polícia Metropolitana (DPM) tem a direção do delegado Daniel Castro, enquanto o delegado Benedito Magno assume a Diretoria de Polícia Especializada.

O delegado Raimundo Benassuly assume a Corregedoria (CRPC). A Diretoria de Polícia do Interior (DPI) terá à frente o delegado Hennison Azevedo; o delegado Ricardo do Rosário passa a comandar a Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core), e Cristina Rocha continua à frente da Arin (Assessoria de Relações Institucionais). Já o Núcleo de Inteligência de Polícia (NIP) agora está sob a responsabilidade do delegado Temmer Khayat.

Na chefia de gabinete está a delegada Michele Zagalo, enquanto a Diretoria Especializada de Combate a Crimes Cibernéticos (DECCC) é comandada pela delegada Vanessa Lee. A Delegacia de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAV) passa a ser dirigida pela delegada Cíntha Viana, e o delegado Roberto Gomes assume a Superintendência da Região Metropolitana (SRM).

O delegado Vinicius Carvalho comanda a Diretoria Administrativa (DA). A Diretoria de Informática, Manutenção e Estatística (Dime) é comandada pela delegada Deyse Castro, e a Diretoria Financeira continua sendo conduzida por Rocco Farah. A Diretoria de Identificação (Didem) tem como titular Jorge Almeida; a Academia de Polícia Civil (Acadepol) continua sob o comando da delegada Karina Figueiredo, e a delegada Socorro Bezerra permanece como titular da Diretoria de Atendimento ao Servidor (DAS), e à frente da Assessoria de Comunicação (Ascom) continua a jornalista Cristiani Sousa.


Agência de Notícias do Estado do Pará



DELEGADOS.com.br
Portal Nacional dos Delegados & Revista da Defesa Social

 

1
0
0
s2smodern

Destaques